Conheça a Técnica Japonesa dos 5S’s para Deixar sua Casa Sempre Organizada

O 5S é uma técnica japonesa muito utilizada no mundo corporativo, mas também pode ser usada na sua casa para melhorar sua qualidade de vida e ter uma vida mais organizada.

Este artigo mostra essa técnica que pode ser usada em qualquer cômodo, e que vai ajudar a manter sua casa muito mais arrumada em apensas 5 passos. Vamos lá!

 

Seiri — Selecionar

O primeiro passo é chamado de Seiri (“selecionar”, em português), e significa separar o necessário e o não necessário de acordo com a frequência de uso.

  • Classifique e marque as coisas que usa menos com uma etiqueta vermelha.
  • Os objetos mais utilizados devem ser marcados com uma etiqueta verde.
  • Você pode usar uma etiqueta amarela como um meio termo.

 

Seiton — Organizar

Tudo que você marcou anteriormente com uma etiqueta vermelha, amarela ou verde deve ter um lugar reservado dentro ou fora do quarto. Este passo, chamado de Seiton (“organizar”, em português) significa ter o lugar certo para cada coisa, ou seja, definir seu lugar para facilitar sua identificação.

  • Marque e nomeie o lugar de cada objeto para facilitar a procura.
  • Lembre-se de que tudo que tiver uma etiqueta verde deve estar à vista e à mão — sobre a mesa, por exemplo. Não esqueça os objetos do dia a dia, que devem estar sempre visíveis.

 

Seiso — Limpar

O terceiro passo da técnica dos 5S é chamado de Seiso, ou “limpar”, que se refere justamente à limpeza das áreas vazias e dos espaços usados para guardar os objetos. Você já selecionou os objetos e os colocou nos lugares corretos. Agora vem a parte da limpeza.

  • Nessa fase, o objetivo não é apenas deixar o espaço limpo, mas também livre de possíveis acidentes (objetos espalhados pelo chão podem ocasionar sérios acidentes).
  • Portanto, a limpeza é uma tarefa diária e que, quando bem realizada, evita um processo de limpeza infinito nos próximos dias.

 

Seiketsu — Padronizar

Seiketsu pode ser traduzido como padronizar. Ele tem como objetivo avaliar o espaço e ajustar qualquer aspecto que saia do padrão definido pelos passos anteriores.

  • Para isso, devemos arrumar uma espécie de rota com uma lista de coisas que devem sempre ser checadas. Isso pode acontecer semanalmente ou a cada 3 dias.

 

Shitsuke — Manter

O quinto e último passo é chamado de Shitsuke, ou “manter”. Ele procura estabelecer um cronograma de seguimento e “auditoria” do ambiente, além de assegurar que todos tenham entendido suas responsabilidades dentro do sistema dos 5S.

  • Por exemplo, se falamos em um quarto compartilhado, as duas pessoas deverão ter as tarefas definidas para manter a ordem e a limpeza.
  • Esse último S é importante para saber se todos os passos anteriores foram entendidos. Ele ajuda a evitar erros e corrige algo que não foi bem definido. Por isso, é importante dar uma boa repassada nas obrigações de cada um e estabelecer um acordo em relação ao que foi teorizado desde o começo.

 

Conheça o Village Tokio – Casas em Condomínio Fechado

 

Tecnica Japonesa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: